Workshop de Escutatoria e Storyteling

CURSO PRESENCIAL & PALESTRA DE

ESCUTATÓRIA & STORYTELLING

 

Slow Down to Speed Up!

Entre o que eu penso, o que eu quero dizer, o que digo
… e …

o que você ouve, o que você quer ouvir e o que você acha que entendeu, há um abismo.”

A NOSSA CAPACIDADE DE ATENÇÃO E ESCUTA É NATURALMENTE LIMITADA

Empobrecimento da atenção

As tendências transformadoras do mundo V.U.C.A (digital, volátil, incerto, não linear, complexo, ambíguo e acelerado….) estão transformando nossa realidade como nunca e exigem de nós, cada vez mais, o desenvolvimento de nossas SOFT SKILS para lidar com uma “carga mental” cada vez maior (inteligência emocional, resiliência, comunicação não violenta, empatia e assertividade..)

Agora existe um vilão na sua história, e é você mesmo! Sem nos darmos conta, nossas capacidades de escuta, abertura ao diferente e atenção são tão limitadas que a nossa visão da realidade é enviesada.

À medida que a vida acelera e a riqueza de informação cresce, nossa capacidade de atenção empobrece.

A nossa atenção, bem como aquela dos nossos interlocutores, é cada vez mais disputada, pelos familiares, pelos amigos, pelos clientes e fornecedores, pelas telas em geral, inclusive virou um alvo comercial para todo tipo de publicidade.

Sinais verdes e Sinais vermelhos

Mesmo com intenções legítimas e sinceras, muitas vezes a nossa comunicação provoca um resultado contrário ao esperado e acaba levantando as defesas dos nossos interlocutores (reflexos reptilianos) em vez de baixar as guardas e provocar interesse e curiosidade (atitudes empáticas).

Quem percebeu os mecanismos em jogo na arte da escuta e na hora de captar a atenção do outro, acessa um mundo mais simples e cheio de novas possibilidades para desenvolver estratégias novas na hora de comunicar, argumentar, negociar.

Através de interações com os participantes o instrutor identifica em tempo real padrões de linguagens produtivos (sinais verdes) e não produtivos (sinais vermelhos) e propõe alternativas eficientes de comunicação como uma nova ecologia da linguagem.

Storytelling ao vivo

No hora de conversar com o outro, temos várias tendências naturais que nem sempre são produtivas, a tendência a pensar pelo outro, a focar no negativo, a escutar com filtros e acima de tudo a tendência de sobrepor a nossa própria história sobre as histórias dos demais. Surge então a pergunta “Como construir uma conversa equilibrada e produtiva, na qual nenhuma história leva vantagens sobre a outra, e cada interlocutor se sente protagonista de uma história maior co-criada a 4 mãos?”

É aqui que entra a arte do storytelling ao vivo. O método resgata a essência do storytelling (personagens, empatia e emoções, propósito, desafio, paradoxos e ambiguidades, suspense, ritmo, liberdade de opinião e convite para ação), aplicado para o dia a dia da vida nas grandes corporações de tal forma que cada ligação, cada pedido, cada negociação, se torna uma oportunidade de criação de uma história única com o seu interlocutor.

No mundo VUCA, quem faz com que seu interlocutor se sinta plenamente escutado, e fale de forma a captar a atenção do outro se sobressai como a pessoa de um olho só em terra de cegos.

Venha praticar com a gente!

Entre o que eu penso, o que eu quero dizer, o que digo
… e …

o que você ouve, o que você quer ouvir e o que você acha que entendeu, há um abismo.”

A NOSSA CAPACIDADE DE ATENÇÃO E ESCUTA É NATURALMENTE LIMITADA

Empobrecimento da atenção

As tendências transformadoras do mundo V.U.C.A (digital, volátil, incerto, não linear, complexo, ambíguo e acelerado….) estão transformando nossa realidade como nunca e exigem de nós, cada vez mais, o desenvolvimento de nossas SOFT SKILS para lidar com uma “carga mental” cada vez maior (inteligência emocional, resiliência, comunicação não violenta, empatia e assertividade..)

Agora existe um vilão na sua história, e é você mesmo! Sem nos darmos conta, nossas capacidades de escuta, abertura ao diferente e atenção são tão limitadas que a nossa visão da realidade é enviesada.

À medida que a vida acelera e a riqueza de informação cresce, nossa capacidade de atenção empobrece.

A nossa atenção, bem como aquela dos nossos interlocutores, é cada vez mais disputada, pelos familiares, pelos amigos, pelos clientes e fornecedores, pelas telas em geral, inclusive virou um alvo comercial para todo tipo de publicidade.

Sinais verdes e Sinais vermelhos

Mesmo com intenções legítimas e sinceras, muitas vezes a nossa comunicação provoca um resultado contrário ao esperado e acaba levantando as defesas dos nossos interlocutores (reflexos reptilianos) em vez de baixar as guardas e provocar interesse e curiosidade (atitudes empáticas).

Quem percebeu os mecanismos em jogo na arte da escuta e na hora de captar a atenção do outro, acessa um mundo mais simples e cheio de novas possibilidades para desenvolver estratégias novas na hora de comunicar, argumentar, negociar.

Através de interações com os participantes o instrutor identifica em tempo real padrões de linguagens produtivos (sinais verdes) e não produtivos (sinais vermelhos) e propõe alternativas eficientes de comunicação como uma nova ecologia da linguagem.

Storytelling ao vivo

No hora de conversar com o outro, temos várias tendências naturais que nem sempre são produtivas, a tendência a pensar pelo outro, a focar no negativo, a escutar com filtros e acima de tudo a tendência de sobrepor a nossa própria história sobre as histórias dos demais. Surge então a pergunta “Como construir uma conversa equilibrada e produtiva, na qual nenhuma história leva vantagens sobre a outra, e cada interlocutor se sente protagonista de uma história maior co-criada a 4 mãos?”

É aqui que entra a arte do storytelling ao vivo. O método resgata a essência do storytelling (personagens, empatia e emoções, propósito, desafio, paradoxos e ambiguidades, suspense, ritmo, liberdade de opinião e convite para ação), aplicado para o dia a dia da vida nas grandes corporações de tal forma que cada ligação, cada pedido, cada negociação, se torna uma oportunidade de criação de uma história única com o seu interlocutor.

No mundo VUCA, quem faz com que seu interlocutor se sinta plenamente escutado, e fale de forma captar a atenção do outro se sobressai que nem a pessoa de um olho só em terra de cegos.

Venha praticar com a gente!

UMA EXPERIÊNCIA COMO NUNCA VIU!

O método trabalha o espaço entre estimulo e reação, as duas velocidades do cérebro, e os três reflexos Combate | Fuga | Stupor, a relação memória X emoções entre outros conceitos.

Experiência 100% interativa
Co-construção do conteúdo com os participantes
Cada curso é único

 

Personalizado
Usamos os casos trazidos pelo próprios participantes

 

Sem Power point
Ancoramos o conteúdo através de vivências emocionais

 

“Role play”
Feedbacks em tempo real ou através de filmagem, com uma “segunda chance” para fazer a diferença.

Os instrutores DO IT estão treinados para reconhecer em tempo real os padrões de linguagem e dar o devido feedback de forma imparcial e amorosa ao mesmo tempo.

A palestra de “escutatória e storytelling” foi entre as 3 palestras nacionais mais procuradas na expo management HSM 2017.

Untitled-1.fw

UMA EXPERIÊNCIA COMO NUNCA VIU!

O método trabalha o espaço entre estimulo e reação, as duas velocidades do cérebro, e os três reflexos Combate | Fuga | Stupor, a relação memória X emoções entre outros conceitos.

Experiência 100% interativa
Co-construção do conteúdo com os participantes
Cada curso é único

 

Personalizado
Usamos os casos trazidos pelo próprios participantes

 

Sem Power point
Ancoramos o conteúdo através de vivências emocionais

 

“Role play”
Feedbacks em tempo real ou através de filmagem, com uma “segunda chance” para fazer a diferença.

Os instrutores DO IT estão treinados para reconhecer em tempo real os padrões de linguagem e dar o devido feedback de forma imparcial e amorosa ao mesmo tempo.

A palestra de “escutatória e storytelling” foi entre as 3 palestras nacionais mais procuradas na expo management HSM 2017.

Untitled-1.fw

RESULTADOS ESPERADOS

  • Como co-criar mais resultado, com menos palavras sendo mais você mesmo?
  • Aprender como conversar de tal forma a juntar histórias inicialmente distantes e separadas para que cada um se sinta ator de uma história em comum, a serviço de um propósito que nos ultrapasse. O que chamamos do Storytelling ao vivo.

RESULTADOS ESPERADOS

  • Como co-criar mais resultado, com menos palavras sendo mais você mesmo?
  • Aprender como conversar de tal forma a juntar histórias inicialmente distantes e separadas para que cada um se sinta ator de uma história em comum, a serviço de um propósito que nos ultrapasse. O que chamamos do Storytelling ao vivo.

Temas abordados

  • Desenvolver a sua inteligência emocional,
  • Escutar e fazer com que o outro se sinta escutado,
  • Eliminar do nosso dia a dia alguns vícios e cacoetes de linguagem, as vezes até tóxicos, prejudiciais às relações e à obtenção dos resultados desejados,
  • Reaprender a falar, questionar, argumentar, negociar, de forma a captar a atenção do interlocutor usando técnicas de storytelling,
  • Preparar, introduzir e conduzir reuniões com um alto foco para resultado,
  • Transformar palavras em ação (A arte da delegação)
  • Desenvolver sua comunicação não violenta.

Temas abordados

  • Desenvolver a sua inteligência emocional,
  • Escutar e fazer com que o outro se sinta escutado,
  • Eliminar do nosso dia a dia alguns vícios e cacoetes de linguagem, as vezes até tóxicos, prejudiciais às relações e à obtenção dos resultados desejados,
  • Reaprender a falar, questionar, argumentar, negociar, de forma a captar a atenção do interlocutor usando técnicas de storytelling,
  • Preparar, introduzir e conduzir reuniões com um alto foco para resultado,
  • Transformar palavras em ação (A arte da delegação)
  • Desenvolver sua comunicação não violenta.

LOCAL DO CURSO

QUANDO ACONTECER NO LAFIGUEIRA – PIRACAIA

previous arrow
next arrow
PlayPause
ArrowArrow

Shadow
Slider

OS INSTRUTORES

O curso é ministrado por um ou vários dos seguintes instrutores

Thomas Brieu é fundador da DO IT Brasil. Após várias experiências como executivo, empreendedor e administrador de empresas, ele compartilha sua experiência nas áreas da assertividade, da escutatória e da inteligência emocional. É reconhecido, entre outros, pelos seus treinamentos em Escuta, Foco, Storytelling, Liderança e Vendas. Além disso, ele se dedica à preservação da reserva ecológica “LaFigueira” em Piracaia (RPPN), no meio da qual está situado o centro de treinamento da DO IT usando técnicas de bioconstrução.

Renata Sollero é primeiramente uma grande curiosa sobre comunicação, relações entre pessoas e aprendizagem. Uma artista que também assumiu posições executivas de destaque em multinacionais. Hoje compartilha como trainer e coach o que desenvolveu em mais de 15 anos de experiência. Certificada nas metodologias da DO IT, da Khaler (process comunication model) e em Sustainable Coaching (certificada ICF).

Engenheiro que ama gente, o Vinicius Soares prepara as pessoas para lidar com um mundo cada vez mais tecnológico e disruptivo. Formado pelo INATEL e com MBA em Marketing pela FGV, atua no mercado de TIC há mais de 20 anos, é professor do MBA em Inteligência Artificial da FIAP e empreendedor em soluções tecnológicas. É especialista em Inteligência Artificial e consultor e Instrutor da Do It para treinamentos de comunicação produtiva.

O QUE DESEJA FAZER?

Quero me inscrever no curso presencial

Encontre a ficha de inscrição e as datas do curso no botão abaixo

Quero receber mais informações

Ficar na lista de espera para saber do próximo curso para minha cidade

Quero contratar uma turma fechada / palestra / oficina

O QUE DESEJA FAZER?

Quero me inscrever no curso presencial

Encontre a ficha de inscrição e as datas do curso no botão abaixo

Quero receber mais informações

Ficar na lista de espera para saber do próximo curso para minha cidade

Quero contratar uma turma fechada / palestra / oficina

A Dágora é uma plataforma de educação, social e digital, que acredita que aprender seja um exercício de questionar e propor conteúdo, mixando o papel do usuário entre protagonista e observador. A Dágora apoia o curso presencial da DOIT, pois compartilhamos da mesma visão, a de transformar o mundo através de pessoas.

ENTRE EM CONTATO

THOMAS BRIEU

(11)9 9266-5292
thomas@doit-network.com.br
http://facebook.com/focoeescutatoria